SITE DEDICADO À PESQUISA DA PRODUÇÃO BRASILEIRA DE ARTE E TECNOLOGIA NA INTERNET

FÁBIO OLIVEIRA NUNES

Quando a Internet se tornou popular, pouco se falava em criação experimental na rede: os sites de arte. Muito diferente do que se costuma pensar, esse tipo de produção não se resume a sites que trazem trabalhos de arte como museus ou galerias, apresentando pinturas ou esculturas, mais do que isso: artistas passam a utilizar o meio criando trabalhos com o que a rede tem de mais específico. Os artistas farão com que o usuário reflita poeticamente sua relação com a máquina e com as outras pessoas, num mundo onde os relacionamentos e a vida são cada vez mais mediados pela teleinformática (telefones digitais, mensagens instantâneas, e-mails e outras coisas mais). Isso é o que chamamos de net arte, arte na rede ou web arte.

A pesquisa “Web Arte no Brasil” iniciou-se em 2000 na UNESP (Universidade Estadual Paulista) sob a orientação do Prof. Dr. Milton Sogabe com o apoio da FAPESP e migrou em 2001 para a UNICAMP (Universidade Estadual de Campinas) em nível mestrado sob a orientação do Prof. Dr. Gilbertto Prado. A dissertação foi defendida em 2003 e está na íntegra, neste site.

No decorrer de seus 15 anos de publicações, este site já foi consultado por milhares de interessados, sendo uma das mais conhecidas referências sobre a produção artística brasileira na rede Internet.




Fábio Oliveira Nunes
(Fabio FON)


Ora integrado, ora apocalíptico e em ambos os momentos, artista e observador atento das novas tecnologias. É doutor em artes na Universidade de São Paulo (USP), abordando os desdobramentos da arte mídia e esporadicamente atua como webdesigner. Vem acompanhando a produção artística em novos meios da graduação ao pós-doutorado, a mais de 15 anos. Veja mais no seu site pessoal.

Em 2010, lançou o seu primeiro livro impresso: CTRL+ART+DEL: Distúrbios em arte e tecnologia, Editora Perspectiva.

Em 2016 é lançado seu segundo livro sobre arte e tecnologia: Mentira de artista: arte (e tecnologia) que nos engana para repensarmos o mundo, com o apoio do Programa de Ação Cultural (PROAC) do Governo de SãoPaulo.

 


Livros
Artigos científicos
Artigos jornalísticos

 


Arte e Tecnologia

Arte digital brasileira
e poesia na web

Ampla coletânea de sites brasileiros de arte e poesia realizada por Jorge Luiz Antonio, constituindo-se em um grande guia para se conhecer a produção brasileira disponível na rede.

Enciclopédia Itaú Cultural
A atual enciclopédia do Itaú Cultural é uma excelente referência para navegar em busca de conceitos, grupos e instituições. Anteriormente, o Itaú Cultural manteve por alguns anos uma enciclopédia específica sobre a produção brasileira em arte e tecnologia que foi anexada a este banco de dados mais abrangente.

FILE
Com edições anuais em São Paulo(e em alguns anos, em diferentes cidades brasieiras) desde 2000, o Festival Internacional de Linguagem Eletrônica (FILE) é um importante evento que abarca produções em arte e tecnologia, incluindo trabalhos de web arte e net art. Para conhecer trabalhos apresentados, o site do festival possui uma área de "arquivo" com os participantes de edições anteriores.

Mostra Online FACTORS
Festival de arte, ciência e tecnologia do Rio Grande do Sul, organizado sob o apoio da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) com participação de artistas brasileiros em sua mostra online.

Territorialidade/Territoriality
Site coordenado pela Profa. Dra. Maria Amélia Bulhões (Univerisdade Federal do Rio Grande do Sul) que disponibiliza um banco de dados sobre obras de web arte baseadas em quatro focos de pesquisa: cartografia, cidade, memória e paisagem.


 







 



 



 




Na home page do site pessoal de Fábio Oliveira Nunes está disponível o /BLOG, trazendo diversos artigos sobre novos meios, eventos de arte e tecnologia, poesia visual e digital, web arte, artes visuais e projetos pessoais em andamento. Não há uma periodicidade definida, podendo apresentar novas informações a qualquer tempo.

 

 

 

 



 
Por uma linguagem algoritmica
O artista brasileiro Andrei Thomaz tem criado obras digitais que evidenciam uma linguagem algoritmica, envolvendo a noção de programa na experiência em cada trabalho.
Quantas linhas são necessárias para apagar um retângulo preto?
 
O fake na web arte
Artistas exploram situações de ambiguidade entre o 'verdadeiro' e o 'falso', permitindo que aproximemos o conceito de mimetismo a estas experimentações.
Assina
Podemos pensar em sites 'sem conteúdo'?
Reflexões sobre a condição metalinguística em trabalhos de web arte. Destaca-se o histórico site JODI e as experimentações brasileiras da dupla Rachelmauricio Castro.
[͉͉ 7͉͉ ]
Reflexões sobre web arte em novos contextos
Passados quinze anos desde o surgimento de uma das mais significativas experimentações na rede Internet – o conhecido site JODI – as poéticas concebidas dentro das especificidades da rede Internet, multiplicaram-se.
Web em 1973

Ainda web arte: um consciente coletivo
Artigo publicado em 2005 no catálogo da Exposição Cinético_ Digital, realizada no Itaú Cultural. Reflexões sobre a emergência de trabalhos com novas proposições na rede.

I' mito: Zapping Zone

– Que usabilidade nada. Isso aqui é arte!
Texto publicado no site Webinsider . Breve texto sobre as relações da produção comercial – webdesign – e da produção artística na rede Internet.

Uma Internet para os artistas
Se a fotografia demorou tanto para ser aceita como arte, como a Web Arte esteve presente nos mais importantes eventos internacionais de arte em tão pouco tempo?
Gênesis

Como definir a Web Arte?
A primeira idéia é entender o computador não apenas como ferramenta.A segunda idéia é ir além da divulgação da arte que já existe em outros meios e estabelecer experimentações.

  Territórios de uma arte global
Qual é o contexto global que se insere a Web Arte? Será que existe alguma especificidade na produção brasileira que a diferencie?
  Sobre tempo e morte na rede
Reflexões sobre o tempo e a morte na arte e na Internet inspiradas no trabalho Cronofagia (2002) de Kiko Goifman e Jurandir Müller.
  Arte transgênica via Internet
Sob o paradigma da tecnociência, surgem trabalhos como Gênesis (1999) de Eduardo Kac que relaciona elementos como a comunicação, o digital e o biológico.
  Partilha e simulação em rede
Um breve percurso no contexto da realidade virtual - imersiva e na rede Internet - para a análise do ambiente virtual multiusuário Desertesejo (2000) de Gilbertto Prado,
  Poéticas da Interface
Experimentações pessoais em web arte, do autor desta pesquisa, entre os anos de 1999 e 2003. Entre os trabalhos abordados estão ONOS, Casa Escura e Retardo nº 2 .
 
A produção brasileira de web arte
Um resumo antecipatório das discussões da dissertação de mestrado (2003) sobre conceitos da produção na rede e alguns trabalhos relevantes.
Desertesejo
Estrutura Hipertextual
Desde o Talmud que a hipertextualidade é elemento presente na literatura. O advento do Hipertexto foi necessário para a não-linearidade da rede.
Lands Beyond Ferramentas de Ontem
Tudo na Internet é muito transitório. As ferramentas de criação e navegação da Web, em pouco tempo, se tornam obsoletas.
 
  Arquitetura de navegação do ciberespaço
Estudo dos vários tipos de arquitetura de navegação existentes nos sites da Internet: linear, árvore e rede. Existem maneiras de evitar a hierarquia de conteúdo
?
  Ciberespaço e a virtualidade
A relação entre o virtual e Ciberespaço: a existência dos ciberlugares e a potencialidade do virtual na Internet.
  Arte via rede: galerias virtuais
Os sites de divulgação de objetos de arte que existem independentemente da rede: suas categorias e características.
  O que é web arte?
Muito mais do que um suporte, a Internet carrega consigo conceitos próprios de sua linguagem. Até agora, muito do que está na rede, vem de outras mídias.
  Três categorias da web arte
É possível colocar todos os trabalhos de Web Arte em três categorias distintas segundo características predominantes?
  Sites metalinguísticos de web arte
Parte da produção artística da rede parte de referências de elementos do próprio meio informático, seja incorporando-os ou utilizando metáforas.
  Sites narrativos de web arte
Usar a Internet como um suporte que reune características nunca antes juntas em um mesmo meio é o caminho de alguns trabalhos de Web Arte.
  Sites participativos de web arte
Alguns artistas utilizam a rede para a disponibilização de imagens em tempo real, interatividade entre usuários e controle de espaços remotos.
Site pessoal do autor